As leis mais loucas do mundo

4 03 2007

Há uma lei islâmica que rege “após manter relações sexuais com um carneiro, é um crime mortal comer sua carne”.

No Líbano, homens podem legalmente fazer sexo com animais, mas os animais obrigatoriamente têm que ser fêmeas. Manter relações com machos pode levar o homem à pena de morte.

Em arém, um médico (homem) pode legalmente examinar os genitais de mulheres, mas é proibido de olhar diretamente para examinar. Eles podem somente ver através de um espelho.

Os muçulmanos estão proibidos de olhar para os genitais de um corpo. Os órgãos sexuais do “presunto” devem ser cobertos com um tijolo ou pedaço de madeira, sempre.

A penalidade para masturbação na Indonésia é a decaptação.

Existem homens em Guam com trabalho em tempo integral de viajar por vários cantos do país para deflorar jovens virgens, que ainda o pagam pelo provilégio de fazer sexo pela primeira vez. A razão para isso é que pela lei de Guam, é expressamente proibido às virgens casarem.

Em Hong Kong, uma esposa traída tem permissão para assassinar o marido adúltero, mas não pode usar luvas. A amante do marido, entretanto, pode ser assassinada de qualquer maneira…

Vendedoras de topless são legalizadas em Liverpool, Inglaterra. Mas somente em lojas de peixes tropicais.

Em Santa Cruz, Bolívia, é ilegal a uma mulher ter relações com uma mulher e sua filha ao mesmo tempo.

Em Cali, Colômbia, a mulher só pode fazer sexo com seu marido, e a primeira vez deve ser com a mãe presente no quarto, assistindo o ato.

UPDATE: Muitas outras leis bizarras em “Continuação…”

BRASIL:

POLÍTICA MALUCA
Vereadores já criaram aeroporto de disco voador e baniram a melancia do cardápio

ABAIXO A CAMISINHA!
Decreto Municipal 82/97 (Bocaiúva do Sul, PR)
Data: 19 de novembro de 1997
Preocupado com os baixos índices de natalidade em sua cidadezinha de 9 mil habitantes, o prefeito Élcio Berti proibiu a venda de camisinhas e anticoncepcionais. Tudo porque a prefeitura estava recebendo menos verbas do governo federal com o encolhimento da população. A maluquice gerou a maior gritaria e a lei teve de ser revogada 24 horas depois

AEROPORTO ALIENÍGENA
Lei Municipal 1840/95 (Barra do Garças, MT)
Data: 5 de setembro de 1995
O então prefeito dessa cidade de 55 mil habitantes criou uma reserva para pouso de OVNIs com 5 hectares na serra do Roncador, tradicional reduto de ufólogos. Para azar dos ETs, o “discoporto” ainda não saiu do papel

FOLIA COMPORTADA
Lei Municipal 1790/68 (São Luís, MA)
Data: 12 de maio de 1968
Na década de 60, o então prefeito Epitácio Cafeteira baixou o “código de posturas” do município. Entre outras coisas, ficou proibido o uso de máscaras em festas — exceto no Carnaval, ou com licença especial das autoridades. Para defender a medida (que virou letra morta), o prefeito argumentou que ela ajudava a “identificar bandidos”

PREGUIÇA ECOLÓGICA
Lei de Crimes Ambientais (Governo Federal)
Data: 12 de fevereiro de 1998
A lei que regula as punições para os crimes contra a natureza tem um agravante estranho: a pena aumenta para crimes aos “domingos ou feriados”. É o velho jeitinho brasileiro: com menos fiscais trabalhando nesses períodos, o governo elevou a pena para desestimular agressões ecológicas nas folgas da patrulha. É a única lei federal da nossa lista

EM DEFEZA DO PURTUGUÊIS
Lei municipal 3306/97 (Pouso Alegre, MG)
Data: 2 de setembro de 1997
A lei aprovada pela Câmara Municipal multa em 500 reais os donos de outdoors com erros de ortografia, regência e concordância. Para banners e faixas, a multa é menor: 100 reais — e os infratores têm 30 dias para corrigir os deslizes. Em 1998, o prefeito do Guarujá se inspirou na cidade mineira e reproduziu a mesma lei na cidade do litoral paulista

FRUTO PROIBIDO
“Lei da Melancia” (Rio Claro, SP)
Data: 1894
A inofensiva melancia, quem diria, foi proibida em 1894 na cidade de Rio Claro, no interior de São Paulo. No fim do século 19, a fruta era acusada de ser agente transmissor de tifo e febre amarela, doenças epidêmicas na época. Com o tempo, a lei virou letra morta

AINDA BEM!
Três projetos de lei absurdos que felizmente não foram aprovados

• Em 2004, vereadores de São Paulo instituíram o uso de coletes com airbag para os motoboys. Em novembro, a proposta foi aprovada em votação na Câmara, mas tinha pouca chance de ser sancionada pela prefeitura e virar lei

• Em 1999, na mineira Juiz de Fora, os vereadores sugeriram que os cavalos e burros usassem fraldões para não emporcalhar as ruas. A iniciativa melou

• Na década de 90, em Teresina, no Piauí, os vereadores quiseram proibir a criação de abrigos nucleares no município. A proposta bombástica não foi aprovada

OUTROS PAÍSES

No estado do Idaho, se um homem oferecer à sua amada uma caixa de bombons com menos de 20 kgs está a cometer uma ilegalidade perante a lei.

As autoridades de trânsito Nova-iorquinas, aprovaram uma lei na qual é permitido às mulheres fazerem topless no metro. Segundo esta mesma autoridade, “se os homens podem andar de troco nu no metro, as mulheres deverão ter o mesmo direito. Os polícias de trânsito afirmam que respeitarão a lei, a menos que as mulheres infrinjam outras leis enquanto estiverem a fazer topless. Por exemplo, se estiverem a fumar, sentadas num banco do metropolitano, serão presas porque não é permitido fumar no metropolitano.

No estado de Washington existe uma lei que proíbe, em qualquer circunstância, fazer sexo com uma virgem, incluindo na noite de núpcias.

Uma lei no estado de Pensilvânia proíbe as pessoas de cantarem no banho.

Um excerto da lei do estado de Kentucky. “Nenhuma mulher deve aparecer em fato de banho em qualquer auto-estrada do estado, a não ser que venha escoltada por, pelo menos, dois policias ou, em alternativa, venha armada com um bastão”. Um aditamento “A anterior lei não deve ser aplicada se a mulher pesar menos de 45 kgs ou mais de 100 kgs.”

Em Cleveland, Ohio, não é permitido caçar ratos sem uma licença de caça.

Em Alexandria, Minnesota nenhum homem está autorizado a fazer amor com a sua mulher se tiver o hálito a cheirar a alho, cebola ou sardinhas. A mulher pode, se assim o entender, obrigar o marido a escovar os dentes antes de…

Em Baldwin Park, Califórnia é proibido andar de bicicleta dentro da piscina.

Em Connorsville, Wisconsin nenhum homem pode disparar uma arma enquanto a parceira está a ter um orgasmo.

Em Fairbanks, Alaska existe uma lei que proíbe os alces de terem relações nas ruas da cidade.

Em Kingsville, Texas existe uma lei que proíbe os porcos de fazerem sexo dentro do aeroporto da cidade.

Em Liberty Corner, New Jersey existe uma lei que pode levar à prisão os casais que, enquanto fazem sexo dentro do carro, toquem acidentalmente a buzina.

Em Newcastle, Wyoming, é proibido os casais fazerem sexo nas câmaras frigoríficas dentro de um supermercado.

Em Oblong, Illinois, é proibido fazer sexo enquanto se está a caçar ou pescar no dia do seu casamento.

Em Tremonton, estado de Utah existe uma lei que proíbe a mulher de fazer sexo com o homem enquanto este conduz uma ambulância. Em complemento às multas normais, o nome da mulher será publicado num jornal local. O homem não recebe qualquer punição.

Em Ventura County, Califórnia gatos e cães não estão autorizados a fazer sexo, a menos que tenham autorização.

Em Willowdale, Oregon nenhum homem pode tossir enquanto está a fazer sexo com a mulher.

No Paraguai é legal duelar desde que os rivais sejam registrados como doadores de sangue.
===
Em Londres, na Inglaterra, “é ilegal dirigir um automóvel sem estar sentado no banco da frente”.
===
Em setembro de 2002, a famosa atriz iraniana Gohar Kheirandish entregou um prêmio de “melhor diretor cinematográfico” ao jovem Ali Zamani, ex-aluno de seu falecido marido. No momento da premiação, deu um maternal beijo na testa do homenageado e por este carinhoso ato foi condenada a 74 chibatadas. O código moral da República Islâmica proíbe que pessoas solteiras do sexo oposto tenham contato físico. A atriz pediu desculpas por seu “erro” e a sentença foi suspensa.
===
Entre as leis do Estado de Montana, EUA, está uma que diz que mulheres casadas não podem ir pescar desacompanhadas aos domingos. Também é ilegal mulheres solteiras saírem para pescar sozinhas.
===
O Rei Mswati III, da Suazilândia, apresentou seu novo projeto para combater a disseminação da AIDS no país. Reviveu o chamado Umchwasho, uma lei de imposição da castidade também conhecida como Flor da Nação. Todas as mulheres solteiras estão proibidas de manter relações sexuais durante os próximos cinco anos. As virgens deverão usar vestimentas azuis e pretas com os dizeres “não me toque”.
As comprometidas e maiores de 19 anos vão usar cores diferentes. Uma vaca será a multa para os homens que infringirem a lei.
===
O governo do México proibiu a venda das populares “almofadas de pum” e das “bombas de cheiro” que simulam os odores da flatulência. Foi descoberto que o ácido cítrico e o bicarbonato de sódio que constituem
a química dos “brinquedos” causam tonturas e vômitos nas crianças. Numa única semana foram confiscadas 5 000 unidades.
===
O Estado do Arizona, nos EUA, chegou a aprovar leis um tanto incomuns: “Jumentos não podem dormir em banheiras”; “É ilegal recusar um copo com água a uma pessoa”, “É proibido caçar camelos”, “Não se pode jogar cartas nas ruas com um indígena americano”, “É ilegal que um homem ou mulher com mais de 18 anos tenha mais de um dente faltando quando sorri”.
===
Em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, foi aprovada uma nova lei que permite que os homens enviem mensagens por telefones móveis para se divorciarem das esposas. Segundo a Lei Islâmica,
um homem pode se divorciar simplesmente dizendo para a mulher “Eu me divorcio de você” três vezes. O matrimônio agora pode ser cancelado à distância!
===
No Estado de Massachusetts, nos EUA, é proibido roncar, exceto quando todas as janelas do quarto estão fechadas. Também é ilegal ir dormir sem tomar um banho.
===
No Líbano, a lei permite que os homens façam sexo com animais, mas estes devem ser fêmeas. O sexo com machos é punido com a morte.
===
Alan Law foi preso por conduta desordeira em Cambridge, Ohio, EUA. O homem dirigia seu caminhão pela cidade com o volume do som estéreo muito alto, causando incômodo a população. O juiz John Nicholson ordenou que Alan pagasse a multa de US$ 100 ou que ficasse ouvindo os grandes sucessos do cantor Frankie Yankovic, o “rei da polca”, por quatro horas seguidas. Alan preferiu ficar ouvindo música.


Actions

Information

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s




%d bloggers like this: